Ministério da Saúde libera cerca de R$ 1,5 milhão para UBS Digital

0 Shares
0
0
0
0
0
0

Para digitalizar e ampliar os atendimentos da saúde a distância, o Ministério da Saúde libera cerca de R$ 1,5 milhão para implementar o projeto-piloto das UBS Digitais e custeios mensais de dez estados. Serão transferidos R$ 977,6 mil ainda em 2022 e R$ 470,4 mil para o ano de 2023.

Com esse investimento, as unidades poderão implantar as ferramentas necessárias, como prontuário eletrônico, conexão à internet, sistemas de informação e outros recursos. Assim, as UBS poderão fornecer, por exemplo, telediagnóstico, teleconsultoria e teleconsulta com especialistas.

Dez estados recebem o valor para 43 UBS. São eles: Amazonas (R$ 62 mil), Bahia (R$ 61mil), Minas Gerais (R$ 122 mil), Mato Grosso do Sul (R$ 91.500), Mato Grosso (R$ 305 mil), Pará (R$ 112,5 mil), Pernambuco (R$ 30,5 mil), Piauí (R$ 315,5 mil), Rio Grande do Sul (R$ 30,5 mil) e Tocantins (R$ 317,5 mil).

Com informações do Ministério da Saúde.

0 Shares
You May Also Like