Políticas públicas e ações inovadoras aprimoram assistência social, cuidados com meio ambiente, e ampliam geração de empregos na gestão Rogério Cruz

0 Shares
0
0
0
0
0
0

Desde o início de 2021, Goiânia passa por transformações relacionadas à implementação de novas políticas públicas e ações inovadoras em setores como meio ambiente, empregabilidade, moradia, esporte, direitos humanos e assistência social. Iniciativas adotadas já no começo da gestão do prefeito Rogério Cruz proporcionam, por exemplo, renda para mulheres em situação de vulnerabilidade, e viabilizam a transformação da capital na cidade mais verde do Brasil.

Rogério Cruz elenca os projetos desenvolvidos na capital, e enfatiza que “uma gestão pautada em cuidar das pessoas deve promover inovações em todas as áreas, de modo a assegurar qualidade de vida e acesso aos serviços públicos”.

Entre as ações empreendidas pela gestão, o Renda Família +Mulher destaca-se como o primeiro auxílio financeiro destinado exclusivamente a mulheres residentes na capital que estejam em condição de vulnerabilidade social, em razão da pandemia da Covid-19. Lançado em outubro do ano passado, o programa beneficiou cerca de 8,5 mil mulheres, e a expectativa é de que mais de 12 mil sejam contempladas nas três etapas.

Rogério Cruz explica que o programa foi idealizado para atender mulheres que nunca receberam qualquer benefício social. E, além de beneficiar residentes na capital, também fomenta o comércio local, pois o cartão é utilizado exclusivamente para compras de alimentos. Desde o lançamento, foram duas etapas de entrega dos cartões, e as inscrições para o programa se encerram no dia 31 de março.

Na área de direitos humanos, também constam ações de apoio às mulheres, como a Feira das Pretas +, que já reuniu, em sete edições, afroempreendedoras que expõem e comercializam produtos de moda, gastronomia, artesanato, artes plásticas, saboaria artesanal e óleos essenciais. Sobre a feira, Rogério Cruz pontua que a gestão está atenta “a promover iniciativas que impulsionam o empreendedorismo, protagonismo feminino e autonomia financeira das mulheres negras”.

Outro projeto importante, ainda em fase inicial, é o Emprego de Direito. Planejado ao longo de 2021, compreende serviço de auxílio à empregabilidade, principalmente das pessoas com deficiência, jovens, pessoas negras e LGBTQIA+. O programa oferece orientações, capacitações, mapeamento e acompanhamento de vagas com foco na inserção, manutenção e inclusão plena no mercado de trabalho.

Cruz destaca que a iniciativa “não se resume a empregar, uma vez que essas pessoas são acompanhadas durante 60 dias, no intuito de conscientizar as empresas, para que atendam às necessidades de adaptação”. Neste ano, duas indústrias da capital iniciaram o programa, por meio do qual foram encaminhados beneficiários a postos de trabalho.

No meio ambiente, a gestão promoveu, no ano passado, o Arborizagyn, a maior ação de plantio simultâneo de mudas nativas no estado. Em quatro etapas, foram plantadas 63.857 mudas em áreas públicas da capital. “Concomitante a outras ações em parques e praças, fizemos de Goiânia a cidade mais arborizada do Brasil, dentre os municípios com mais de um milhão de habitantes. Mas, queremos ir mais longe, e fazer de nossa cidade a mais verde do país”, afirma Rogério Cruz.

Ainda em relação aos espaços públicos de convivência, além da construção e revitalização de praças em todas as regiões da capital, a Prefeitura de Goiânia trouxe os pet places, estruturas de lazer para animais de estimação, como gatos e cachorros. Até o momento, 14 foram instalados em parques e praças.

Ações importantes também foram empreendidas na empregabilidade e moradia. Com o Sine Móvel, equipes vão até regiões descentralizadas da capital, e facilitam o cadastro em vagas de emprego. Somente na última edição, na Região Sudoeste, foram disponibilizadas 850 vagas, e confeccionadas 367 carteiras de trabalho.

Na habitação, os programas Moradia Goianiense e Primeira Escritura viabilizam a compra da casa própria, e regularização de imóveis já habitados. O primeiro tem como objetivo reduzir o déficit habitacional por meio da construção de 15 mil moradias, enquanto o segundo promove segurança e estabilidade às famílias, por meio da regularização fundiária concedida a 2,3 mil pessoas que receberam suas escrituras.

Goiânia também amplia o acesso ao esporte aos goianienses. Além de iniciativas como o Esporte nos Bairros, que atende moradores de diferentes regiões da capital, há o fomento ao e-sports, modalidade de jogos digitais. “Somos a única capital que possibilita a inscrição gratuita em campeonatos públicos, o que permitiu a participação de 3 mil jogadores na última edição da Copa Goiânia de E-Sports”, destaca Cruz.

O prefeito da capital ressalta que “tantas realizações fazem parte do nosso compromisso de cuidar das pessoas, algo no qual trabalhamos desde o início da gestão”. Cruz pontua que “o ano passado foi de planejamento, mas também conquistamos realizações importantes. Porém, reforço que, em 2022, vamos além, rumo ao cumprimento dos planos e em busca de novos projetos em prol dos goianienses”, diz.

No mês de março, foram anunciados os calendários de retomada das atividades culturais e esportivas na capital. Na cultura, o cronograma prevê a volta de projetos consagrados, como Sons de Mercado e Chorinho, além de novidades, a exemplo dos festivais de Stand-Up, Humor e Ópera. Foi anunciada, ainda, a criação do Palácio da Cultura, no prédio da antiga sede da Assembleia Legislativa, no Bosque dos Buritis. No esporte, o calendário prevê passeios ciclísticos, corridas de rua, aulas públicas e torneios de integração em bairros da capital. Em breve, Rogério Cruz anunciará retomada de outros setores.

Secretaria Municipal de Comunicação (Secom) – Prefeitura de Goiânia

– link Read More

0 Shares
You May Also Like