Vice-presidente destaca crescimento de comércio entre Brasil e Peru

0 Shares
0
0
0
0
0
0

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, participou, nesta terça-feira (20), na Embaixada do Brasil em Lima, do seminário “Potencial do Comércio Bilateral de Alimentos entre Brasil e Peru”, que faz parte da programação ExpoAlimentária, a maior feira de alimentos e bebidas da América Latina. O evento conta com expressiva participação de expositores brasileiros.  

Em seu discurso a empresários brasileiros e peruanos, o vice-presidente destacou a corrente de comércio bilateral, que alcançou US$ 4,25 bilhões em 2021, um crescimento de 78% em relação ao ano anterior. 

“Os dados disponíveis para 2022 confirmam a tendência de incremento desse intercâmbio. Entre janeiro e agosto deste ano, a corrente comercial alcançou US$ 3,3 bilhões, o que representa um incremento de 21% na comparação com o mesmo período do ano passado. Ou seja, caminhamos para um novo recorde em 2022”, afirmou. Mesmo assim, Mourão destacou que, no setor agropecuário, o potencial de crescimento do fluxo comercial ainda é bastante promissor. 

Notícias relacionadas:

Vice-presidente do Brasil se reúne com presidente em exercício do Peru.Rodrigo Pacheco assume Presidência da República por quatro dias.“Os dados disponíveis para 2022 confirmam a tendência de incremento desse intercâmbio. Entre janeiro e agosto deste ano, a corrente comercial alcançou US$ 3,3 bilhões, o que representa um incremento de 21% na comparação com o mesmo período do ano passado. Ou seja, caminhamos para um novo recorde em 2022”, afirmou. Mesmo assim, Mourão destacou que, no setor agropecuário, o potencial de crescimento do fluxo comercial ainda é bastante promissor. 

O vice-presidente está desde sábado (17) no Peru, onde cumpre agenda oficial. Ontem (19), ele se reuniu com a vice-presidente do país andino, Dina Boluarte, que está exercendo a presidência interina do país enquanto o titular, Pedro Castillo, participa da 77ª Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York (EUA). 

De acordo com a legislação, candidatos não podem assumir o posto de presidente da República nos seis meses anteriores ao pleito. Primeiro na linha sucessória, Hamilton Mourão disputa uma vaga no Senado, pelo Rio Grande do Sul. Por causa disso, ele viajou para fora do país para não precisar assumir à Presidência da República

Quem também está em viagem oficial é o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), que é o segundo na linha sucessória. Ele acompanha a comitiva do presidente Jair Bolsonaro na Assembleia da ONU, em Nova York. Lira disputa a reeleição ao cargo de deputado federal e também poderia ter a candidatura questionada se assumisse interinamente a Presidência, que no momento está sendo exercida pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG).

A previsão é Hamilton Mourão desembarque de volta em Brasília nesta quarta-feira (21). 

0 Shares
You May Also Like