Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Petróleo fecha em alta em Nova York e Londres após semana agitada - Jornal Brasil em Folhas
Petróleo fecha em alta em Nova York e Londres após semana agitada


O petróleo teve leve alta nesta sexta-feira (29) em Nova York e em Londres, após uma semana agitada pelas tensões no Curdistão iraquiano.

O barril de light sweet crude (WTI) para novembro avançou 11 centavos e fechou em 51,67 dólares no New York Mercantile Exchange (Nymex).

Em Londres, o barril de Brent do Mar do Norte para dezembro fechou com alta de 13 centavos, a 57,54 dólares.

WTI e Brent subiram no começo da semana, mas os preços caíram quando investidores decidiram realizar seus lucros.

A votação maciça pela independência do Curdistão iraquiano sustentou os preços elevados. Essa região produz pouco mais que meio milhão de barris diários, e a Turquia ameaçou de impedir que suas exportações passem por seu território.

Contudo, até agora, a Turquia não parece ter concretizado sua represália.

Quando a oferta mundial melhora, o geopolítico ganha mais peso. A situação da minoria curda aumenta o temor de uma interrupção da distribuição, explicou Phil Flynn do Price Future Group.

Deve haver um aumento brutal de preços se a Turquia cortar o fornecimento, como ameaçou fazer, alertou, por sua vez, Gene McGillian do escritório Tradition Energy.

 

Últimas Notícias

Inep divulga resultado do Enem
Frédéric Lamotte é o novo diretor geral da CA Indosuez Wealth (Miami) e responsável Global da região das Américas
A ACIRLAG chega para impulsionar o setor econômico da região Leste de Aparecida
Inep divulga notas do Enem na sexta-feira
Bolsonaro sanciona Lei do Orçamento 2019 de mais de R$ 3,3 trilhões
Parlamento venezuelano aprova acordo para entrada de ajuda humanitária
Imigrantes hondurenhos sofrem com obstáculos para passagem de caravana
Militares vão atuar de forma mais intensa no Programa Mais Médicos

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212