Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


25 de Jun de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Agricultura tem a maior alta na geração de empregos no DF - Jornal Brasil em Folhas
Agricultura tem a maior alta na geração de empregos no DF


O Distrito Federal (DF) é conhecido pelo grande número de funcionários públicos e pela economia baseada, principalmente, no setor de serviços. Apesar disso, a agricultura da região mostra que, além de contribuir com alimentos saudáveis e produzidos com tecnologia de ponta, pode se superar e ser a que teve a maior taxa de crescimento percentual na geração de empregos.

Segundo dados do Ministério do Trabalho e Emprego, o saldo foi positivo em 1,7% em janeiro, número a ser comemorado, pois historicamente a agricultura não tem taxas expressivas na geração de empregos no DF. Outros setores, como Serviços Industriais de Utilidade Pública e Comércio, tiveram redução nos postos de trabalho; -0,57% e -0,47% - respectivamente.

Para quem é de fora da capital federal ou não a conhece, muitas vezes, tudo parece se resumir à Esplanada dos Ministérios e monumentos modernos. No entanto, essa imagem do Distrito Federal começou a mudar com a criação da AgroBrasília. A Feira Internacional dos Cerrados contribui de forma decisiva na geração de emprego e renda. Ao disponibilizar acesso a maquinários com tecnologia de ponta e espaços com demonstração de técnicas de plantio e criação eficientes, a AgroBrasília colabora para dinamizar a economia local e nacional.

Leomar Cenci, presidente da Cooperativa Agropecuária da Região do Distrito Federal (Coopa-DF), realizadora da AgroBrasília, afirma que a tecnologia é aliada na geração de emprego. ‘‘O agronegócio, no geral, vive um bom momento. No DF não é diferente e a geração de renda e emprego acontece naturalmente. Mais renda para o produtor é mais emprego no campo. E, talvez, seja um diferencial o grau de investimento, feito nos últimos anos, em tecnologia embarcada, principalmente nas máquinas e equipamentos, que gera uma demanda de mão de obra mais qualificada’’, destaca.

O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Distrito Federal (Fape-DF), Joe Valle, faz avaliação semelhante. Para ele, as novas tecnologias trazidas à Feira também são oportunidades de geração de emprego e renda. ‘‘O agronegócio sempre faz a diferença nos momentos difíceis. E aqui no Distrito Federal não é diferente. É muito importante, para nossa capital, ter a AgroBrasília. Isso ajuda muito, porque a Feira traz novas tecnologias que são incorporadas pelos produtores rurais e que permitem a geração de mais renda e, consequentemente, mais postos de trabalho’’, ressalta.

Em 2017, a Feira abriu espaço para 430 expositores e recebeu 99 mil visitantes, movimentando R$ 710 milhões em volume de negócios. Em 2018, a AgroBrasília chega a sua 11ª edição e acontece entre 15 e 19 de maio. A entrada é franca.

 

Últimas Notícias

Desaprovação a Bolsonaro sobe a 64%. Pior situação é a de Alckmin
PT lança pré-candidatura de Kátia Maria ao Governo de Goiás
Copa chega ao 10º dia com jogo da Alemanha; acompanhe
Trump ameaça sobretaxar carros europeus em 20%
Inadimplência em condomínios abre espaço para venda das dívidas
Dólar sobe mesmo com atuação do BC; Bovespa fecha em alta
Tesouro Direto registra décimo mês seguido de saques
BC anuncia mais injeção de dólares no mercado de câmbio

MAIS NOTICIAS

 

Copa chega ao 10º dia com jogo da Alemanha; acompanhe
 
 
Trump ameaça sobretaxar carros europeus em 20%
 
 
Inadimplência em condomínios abre espaço para venda das dívidas
 
 
Tesouro Direto registra décimo mês seguido de saques
 
 
BC anuncia mais injeção de dólares no mercado de câmbio
 
 
Cade aprova venda de 80% do Walmart Brasil para fundo americano

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212