Cesta de derivados lácteos apresenta redução de preço em outubro

0 Shares
0
0
0
0
0
0

A cesta de derivados lácteos recuou 3,61% em outubro, na comparação com o resultado do mês de setembro. O índice divulgado nesta quinta-feira (27/10), após ser apresentado à Câmara Técnica e de Conciliação da Cadeia Láctea de Goiás, representa uma média ponderada dos preços recebidos pela indústria goiana de laticínios para cinco produtos: leite em pó, creme de leite, leite UHT, queijo muçarela e leite condensado.

Os números estão disponíveis na edição de outubro do Boletim de Mercado do Setor Lácteo Goiano. A publicação mostra que todos os produtos da cesta de derivados apresentaram reduções de preços. O preço médio recebido pelo quilo de leite em pó, em outubro, caiu 9,31%; creme de leite, 3,02%; queijo muçarela, 1,95%; e leite condensado, 0,73%. Já o preço médio recebido pelo litro do leite UHT integral recuou 2,30%.

Câmara Técnica
A Câmara Técnica e de Conciliação da Cadeia Láctea de Goiás é composta por representantes da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), Sindicato das Indústrias de Laticínios no Estado de Goiás (Sindileite), Instituto Mauro Borges (IMB), Secretaria-Geral da Governadoria (SGG) e Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa).

A íntegra em PDF do Boletim de Mercado do Setor Lácteo Goiano está disponível no site oficial da Seapa: https://www.agricultura.go.gov.br/files/2022/BoletimLeite/OUTUBRO2022-BOLETIMDOLEITE.pdf

O post Cesta de derivados lácteos apresenta redução de preço em outubro apareceu primeiro em Agência Cora Coralina de Notícias.

0 Shares
You May Also Like